Quanto vale um abraço?

A roupa nova
O carro importado
A viagem para a Europa
A próxima mansão pós moderna…

Ficou tudo para depois

Precisou um vírus
Parar o mundo
Para pararmos
Para ver
Que parados
Nada temos
E sequer
Conseguimos ser!

Só precisamos de um abraço
Um abraço…
Que nos devolva os laços
E o prazer de poder viver
Sem de quase nada precisar
E ao mesmo tempo –
De volta –
Nos ter.

Dia de São Jorge

Salve, São Jorge! Hoje, agora e sempre!

AGORA BABOU

São Jorge, que a tua proteção, em nome de Nosso Senhor Jesus Cristo, esteja sempre presente em nossas vidas. Que teu manto nos cubra e proteja, mantendo-nos sempre longe do mal. Através de ti, rogamos acima de tudo a proteção divina, e em teu nome depositamos a fé de que sairemos ilesos de todo mal que nos cerca. E pedimos a ti, São Jorge, porque sabemos que és servo fiel de Nosso Senhor Jesus Cristo, seu fiel ajudante e escudeiro, que não o negou nem mesmo diante da morte.

image

Ver o post original

Faltou CORAGEM

É preciso muita CORAGEM para olhar bem nos olhos de um povo, de uma nação, de um país, e dizer o seguinte:

“O mundo foi pego de surpresa por essa situação. Sequer entendemos o tamanho do problema. Por conta disso, pedimos que fiquem em casa. Sabemos que isso é difícil sob o ponto de vista social e econômico, mas estamos lidando com um inimigo desconhecido, e o nosso objetivo maior é preservar a vida de todos os brasileiros. Enquanto vocês ficam em casa, avançaremos na preparação do nosso sistema de saúde, onde investiremos de forma maciça, ao mesmo tempo em que trabalharemos incansavelmente com a comunidade científica nacional e internacional, com o objetivo de encontrar o melhor tratamento, desenvolver vacinas, e até mesmo descobrir uma eventual cura para essa doença terrível. Vamos tomar as providências que forem necessárias para atenuar o impacto dessa pandemia em suas vidas, e pedimos mais do que nunca que não percam as esperanças. Juntos, conseguiremos vencer essa guerra. Juntos, somos mais fortes. Brasil acima de tudo. Deus acima de todos. E que Ele nos abençoe.”

Faltou CORAGEM. CORAGEM.

Meio besta

Eu te tinha
Não, tu não eras minha
Mas eras dona do meu coração

As risadas que dávamos juntos
A tua implicância
A tua maneira de me fazer rir…

Eu te achava linda…
Mas eu era imaturo e não entendia
Que eras bem mais do que aquecia meus sentidos

Hoje, só de reconhecer isso
Já sinto algum tipo de alívio:
Fazer as pazes com o passado é imperativo

O café está de pé
A churrascaria vegana também
E tudo mais o que quiseres

A vida apronta –
Ela não vem pronta –
E confesso:

Eu era meio besta.

Volta por cima – por Maria Bethânia

Meu avô cantava essa música para mim quando eu era ainda um moleque. As memórias ficaram e as lições também. Valeu, vô!!! 🙂

Que voz tem essa mulher! Que banda! O autor da música, só para deixar claro, é Paulo Vanzolini. Divirtam-se! 🙂

Ajuda – comunidades carentes – Uber Eats

Quer ajudar quem está precisando MUITO?

  1. Abra o aplicativo Uber Eats
  2. Encontre a loja: “Cestas básicas – A comunidade nos move”
  3. Escolha o produto desejado e finalize sua doação!

O valor das doações começa em R$7,00! Vamos nessa?

Atenção: não é preciso fazer nenhuma alteração no seu endereço. A Uber receberá o seu pedido e fará a entrega automaticamente, de modo que o produto não chegará até sua porta. A Uber entregará todas as cestas e kits doados à CUFA, que será responsável pela distribuição dos itens arrecadados para as comunidades.

Em busca da verdade

O amor não é a foto no Instagram

É o que faz a foto precisar existir

Não é a mensagem do WhatsApp

Mas a vontade de enviar a mensagem

Não é o coração do Facebook

Mas o sorriso indisfarçável por detrás da tela

 

O amor é sempre causa

Nunca consequência

 

Nunca vi um amor sobreviver só de palavras

De declarações

Nunca vi um amor sobreviver só de coisas grandes

Monumentais

O amor se retroalimenta de coisas pequenas

Da intimidade, da cumplicidade

Da atenção aos mínimos detalhes

Da generosidade e da sinceridade

Da desavença e do entendimento

Do perdão, da compreensão

 

O amor é pai de tudo que é bom

De tudo que na vida faz genuína diferença

 

E eu, como aprendiz de poeta

Digo que o amor não está nas minhas poesias

Mas no que não mostro

Aceito e sinto

Para mim, o amor é invisível

Mas eu sei

E como sei!

Que ele de fato existe

 

O amor é minha única verdade

E em busca da verdade eu sigo.

homem-andando-na-rua-1024x680