I Don’t Want to Miss a Thing – Aerosmith

Eu menti para você. Menti mesmo, na cara dura. Eu não sabia explicar direito o que eu sentia, e por isso nem tentava me explicar. Sei lá… Eu me achava até meio estranho por conta disso. Era algo novo para mim.

Até que em uma dessas Playlists do Spotify, ouvi uma música que esclareceu de maneira inequívoca o que eu sentia a teu lado. Música que eu já conhecia, só para deixar claro, mas que nunca tinha feito sentido algum na minha cabeça antes de você.

Eu menti para você. Eu ficava acordado enquanto você dormia porque eu não queria perder um segundo que fosse a teu lado. Não era insônia, não era ansiedade, era só o que é dito nessa música. Tudo claro e transparente. Exatamente assim.

Sei que o tempo passou. Sei que seguimos caminhos diferentes. Mas com toda sinceridade do mundo: essas sensações que eu tinha quando estava a teu lado são grandes tesouros que guardarei para sempre. Nem por um segundo duvide disso. O que eu sentia a teu lado era e continua a ser sagrado. Negar isso seria negar uma das maiores e melhores coisas que Deus já colocou na minha vida.

I could stay awake just to hear you breathing
Watch you smile while you are sleeping
While you’re far away and dreaming
I could spend my life in this sweet surrender
I could stay lost in this moment forever
Every moment spent with you is a moment I treasure

Don’t want to close my eyes
I don’t want to fall asleep
‘Cause I’d miss you baby
And I don’t want to miss a thing
‘Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I’d still miss you baby
And I don’t want to miss a thing

Lying close to you, feeling your heart beating
And I’m wondering what you’re dreaming
Wondering if it’s me you’re seeing
Then I kiss your eyes
And thank God we’re together
And I just want to stay with you in this moment forever
Forever and ever

I don’t want to close my eyes
I don’t want to fall asleep
‘Cause I’d miss you baby
And I don’t want to miss a thing
‘Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I’d still miss you baby
And I don’t want to miss a thing

I don’t want to miss one smile
And I don’t want to miss one kiss
And I just want to be with you
Right here with you, just like this
And I just want to hold you close
I feel your heart so close to mine
And just stay here in this moment
For all the rest of time
Yeah, yeah, yeah, yeah, yeah

Don’t want to close my eyes
Don’t want to fall asleep
‘Cause I’d miss you baby
And I don’t want to miss a thing
‘Cause even when I dream of you (even when I dream)
The sweetest dream will never do
I’d still miss you baby
And I don’t want to miss a thing

I don’t want to close my eyes
I don’t want to fall asleep
‘Cause I’d miss you baby
And I don’t want to miss a thing
‘Cause even when I dream of you
The sweetest dream will never do
I’d still miss you baby
And I don’t want to miss a thing

Esperando na janela – Cogumelo Plutão

Que música linda!!! 🥰🥰🥰

Quando me perdi, você apareceu
Me fazendo rir do que aconteceu
E de medo, olhei tudo ao meu redor
Só assim enxerguei que agora eu estou melhor

Você é a escada da minha subida
Você é o amor da minha vida
É o meu abrir de olhos do amanhecer
Verdade que me leva a viver

Você é a espera na janela
A ave que vem de longe tão bela
A esperança que arde em calor
Você é a tradução do que é o amor

E a dor saiu, foi você quem me curou
Quando o mal partiu
Vi que algo em mim mudou
No momento em que quis
Ficar junto de ti
E agora sou feliz
Pois lhe tenho bem aqui

Você é a escada da minha subida
Você é o amor da minha vida
É o meu abrir de olhos do amanhecer
Verdade que me leva a viver

Você é a espera na janela
A ave que vem de longe tão bela
A esperança que arde em calor
Você é a tradução do que é o amor

Quando me perdi, você apareceu
Me fazendo rir do que aconteceu
E de medo, olhei tudo ao meu redor
Só assim enxerguei que agora eu estou melhor

Você é a escada da minha subida
Você é o amor da minha vida
É o meu abrir de olhos do amanhecer
Verdade que me leva a viver

Você é a espera na janela
A ave que vem de longe tão bela
A esperança que arde em calor
Você é a tradução do que é o amor

Do que é o amor
Do que é o amor
Do que é o amor

I’d Rather Go Blind – Beth Hart & Joe Bonamassa

Mas o que é isso? Não é possível! De onde vem tanto talento, tanta técnica, tanta emoção?

Meu passatempo predileto é encontrar artistas e performances absurdas. Mais uma vez, esse foi o caso. Não dá para explicar. Só vendo, ouvindo, sentindo… Sem palavras!

When All Is Lost – Symphony X

Música de beleza ímpar! Metal progressivo/neoclássico em todo o seu esplendor!

É para aplaudir de pé o que esses caras fizeram e ainda fazem! Ouça e depois me diga. Letra no próprio vídeo.

Tell Her You Belong to Me – Beth Hart

Eu ouço com frequência que o amor acabou e que as pessoas não se amam mais como antigamente. E invariavelmente me deparo com todos os tipos de declaração de amor. Quer seja na música, na escrita, na pintura, na escultura… O amor existe e está sempre presente. Sempre.

E numa dessas eu descobri que escrevo exatamente por esse motivo: porque o amor existe. E existe mesmo! E dadas as minhas limitações (não sou nada e nem ninguém diante dos grandes que falam de amor), fiz desse blog uma casa para falar de amor. Amor mesmo, de verdade. Com todas as suas complexidades e desafios. Amor real, que é céu e inferno de vez em quando, mas que ainda assim nunca deixa de ser amor.

Acho que essa música resume bem o que é amor, e é algo tão simples que chegar a ser assustador: amar é querer estar junto. Não é forçar a estar junto. É torcer para que o seu querer seja o que o outro também quer. E só isso.

Que o amor guie a sua vida!

P.S.: Vejam a entrada absolutamente triunfal da Beth Hart no vídeo! Que momento! Que momento!

Tell Her You Belong To Me
(Beth Hart)

Tell her you’re mine
That you have been blind
Tell her it’s over
And you belong to me
Tell me to come
And like hell I will run
Back into your arms
‘Cause you belong to me

There’s a river on my skin
There’s a dragon in the dark
Nothing scares me more
Than the silence of your heart

If you wanna hold me
If you wanna know me again
If you wanna love me
Than take me home
I’ve been at the bottom
The deep end of the ocean
Barely surviving by the dark side of her street
Tell her you belong to me

She’ll never kiss you
The way that I miss you
What kind of lies does she tell you
Inside of the dark

She’ll never win
‘Cause I’m not giving in
You are my man
You belong to me

If you wanna hold me
If you wanna know me again
If you wanna love me
Just take me home
I’ve been at the bottom
The deep end of the ocean
Barely surviving by the dark side of her street
Tell her you belong to me

She’ll never win
I’m not giving in
No matter how long
I still be hanging on
Yeah, this kind of love
I’m not giving up
So tell her, tell her
Tell her you were fooling

Yeah
If you wanna hold me
If you wanna know me again
If you wanna love me
Just take me home
I’ve been at the bottom
The deep end of the, the ocean
Barely surviving by the dark side of her street
Tell her you belong to me
Tell her you belong to me
You belong to me
To me

Your Song – Lady Gaga – Elton John Tribute

Sabe quando algo mexe com você? Pois é… Nunca tinha reparado na letra dessa música e confesso que ignorava o tamanho do talento da Lady Gaga. Fiquei boquiaberto! Impecável!

P.S.: O vídeo está cheio de faixas, creio eu, para evitar ser removido do YouTube (direitos autorais). Quando o vi pela primeira vez, não tinha faixa alguma.

Your Song – Elton John

It’s a little bit funny, this feeling inside
I’m not one of those who can easily hide
I don’t have much money, but boy if I did
I’d buy a big house where we both could live

If I was a sculptor, but, but then again, no
Or a woman who makes potions on a traveling show
I know it’s not much, but it’s the best I can do
My gift is my song, and this one’s for you

And you can tell everybody this is your song
It may be quite simple, but now that it’s done
I hope you don’t mind
I hope you don’t mind that I put down in words
How wonderful life is, now you’re in the world

I sat on the roof and kicked off the moss
Well, a few of the verses, well, they’ve got me quite cross
But the sun’s been quite kind while I wrote this song
It’s for people like you that keep it turned on

So excuse me forgetting, but these things I do
You see, I’ve forgotten if they’re green or they’re blue
Anyway, the thing is, what I really mean
It’s yours are the sweetest eyes I’ve ever seen

And you can tell everybody this is your song
It may be quite simple, but now that it’s done
I hope you don’t mind
I hope you don’t mind that I put down in words
How wonderful life is, now you’re in the world

I hope you don’t mind
I hope you don’t mind that I put down in words
How wonderful life is, now you’re in, you’re in, you’re in, you’re in the world

Chris Impellitteri – 17th Century Chicken Pickin (cover)

Eu não sei nem o que dizer… Fico só babando e pensando no quanto as pessoas perdem se limitando a ouvir o que é mainstream (toca nas mídias de massa).

Por detrás dessa música, há ANOS de estudo. Não vou nem falar do Implellitteri (GÊNIO!!!), mas até mesmo de quem executa a obra. É para aplaudir de pé!

Pergunta: na sua concepção, é música clássica ou não é? Não deixe a distorção da guitarra enganar os seus ouvidos…

P.S.: Chicken Pickin é uma técnica utilizada por alguns guitarristas que mescla o uso da palhetada com dedilhado. É uma técnica híbrida e bem complexa.