Lynch Mob

Não consigo tirar essas músicas da minha cabeça… Ouço-as algumas vezes TODOS OS DIAS!

Para quem não sabe, o fundador dessa banda é o MONSTRO chamado George Lynch, que era guitarrista de uma banda sensacional chamada Dokken.

Divirtam-se!

Sexta-feira, cerveja e música – Parte II

Continuando… A cerveja continua a mesma. Para acompanhar, salame e batata-frita. E vamos que vamos! 🙂

Stevie Ray Vaughan – Tin Pan Alley. Bom, esse é o que morreu no lugar do Eric Clapton. Não que eu não goste do Eric Clapton, mas em termos de pegada na guitarra, difícil de encontrar outro igual. Está no rol dos melhores guitarristas de todos os tempos, sendo esse Blues por ele interpretado absolutamente bizarro!

Stevie Ray Vaughan – Love Struck Baby. Dispensa comentários. 🙂

Joe Bonamassa – Stop. Bom… Se você não conhecesse esse cara e gosta de Blues, está na hora de conhece-lo. Não perca tempo! A voz dele é sensacional e a pegada na guitarra também!

Joe Bonamassa – I’ll Take Care Of You. Se você já acha o Bonamassa foda, imagina como é ele ao vivo com uma mulher que canta horrores! O nome dela? Beth Hart! É simplesmente absurdo!

Led Zeppelin – Since I’ve Been Loving You. Sim, os roqueiros fizeram um dos melhores blues de todos os tempos! Vale a pena conferir!

Dokken – Night By Night. Essa banda contava com o monstro chamado Geoge Lynch, que eu tive o privilégio de conhecer pessoalmente. Essa música é absolutamente fantástica!

Flying Colors – Kayla. Nessa banda está ninguém menos do que Steve Morse, junto com o monstro sagrado Mike Portnoy (ex batera do Dream Theater). Só ouvindo para sacar a vibe desse som. Espetacular!

Dream Theater – Scenes From a Memory. Esse eu vou ouvir do início ao fim. Eu considero um dos melhores álbuns de todos os tempos.

É o que tem para hoje. Se você gosta de boa música, independentemente de estilo, sugiro uma visita ao YouTube. Procure por essas músicas/artistas. Só tem coisa boa!

Inté mais!