In Vino Veritas – Corte Rosé

Em meio e de forma alheia
Às confusões e rebuliços da mente
A verdade que sai do vinho
É a verdade que se verdadeiramente sente

In Vino Veritas

E uma vez vista, a verdade não pode (e nem deve) ser desvista.

In Vino Veritas – Pinot Grigio

Duas garrafas de vinho vazias. Feito lentes de um par de óculos, que revela toda e qualquer verdade. Oráculo do que já se é e ainda assim se almeja ser.

In Vino Veritas

E uma vez vista, a verdade não pode (e nem deve) ser desvista.