Paradoxo da Pandemia

Muitas pessoas que nunca usaram máscara ou álcool em gel, que são contra a vacinação, e que nunca respeitaram o distanciamento social sobreviverão sem nunca terem sido infectadas pelo Covid-19. Essas pessoas dirão que tudo foi um grande exagero e que os cuidados de fato nunca foram necessários. Essas pessoas rirão de você que se cuidou e que se vacinou. Dirão que você caiu no conto do vigário. E está aí o grande paradoxo dessa pandemia: quem não se cuidou ou não se cuida foi e está sendo diretamente beneficiado por quem se cuida.

Quando você se cuida, você cuida dos outros também. Quando você não se cuida, você não cuida dos outros também. Prefiro pecar pelo exagero do que pela falta. A minha consciência está tranquila. E a sua?

Uso de máscaras durante a pandemia

Andar sem máscara na rua não faz você parecer uma pessoa descolada e engajada politicamente. Só faz você parecer um BABACA sem nenhum respeito pelos outros. Empatia zero. Inteligência questionável. Será essa a imagem que guardarão de você. Esteja certo disso.

Desmascarando

Máscaras…

Já não te valem mais nada

Caíram

Despedaçaram-se

Simplesmente sumiram

 

Vi teus olhos marejados

Na despedida

As gargalhas desmedidas

Abundantes fagulhas e centelhas de vida

O teu olhar de admiração

Que fez tua alma ficar despida

Teu corpo contraindo-se em turbilhão

Enquanto repousas em mim, exaurida

 

Foram-se todas as máscaras

Mas tu não podes

E nem queres ir mais:

De que adianta ires só de corpo

E tua alma ficar para trás?

 

E quanto as minhas máscaras

Como bem sabes

Nunca as tive:

Na presença ou na ausência

No sorriso ou no pranto

O amor por ti eternamente reside.

frase-o-amor-arranca-as-mascaras-sem-as-quais-temiamos-nao-poder-viver-e-atras-das-quais-sabemos-que-james-baldwin-143517