A escolha certa – Declamada por Michelle Cruz

Eu já nem sei o que dizer… A Michelle e eu fizemos uma parceria (não formal) que não sei explicar! Ela faz os meus textos terem voz, e isso realmente me encanta!

Link para o post da Michelle:
https://mcmistturacriativa.wordpress.com/2019/08/14/poema-escolha-certa-do-fabio-ottolini-39/

Link para a poesia declamada diretamente no Instagram:

Post original:
https://agorababou.com/2019/07/26/a-escolha-certa/

Obrigado, Michelle!!!!!!!!!!!!!!!!!

Já são 4 anos de agorababou.com!

E é óbvio que eu tinha que compartilhar isso com vocês!

São 4 anos de verdades. De risos e lágrimas. De erros e acertos. São 4 anos de viver a vida sem medo de arriscar, sem medo de ser feliz. São 4 anos de andar de bicicleta sem rodinhas.

Aos meus leitores, o meu muito obrigado! Vocês fazem parte da minha história, e se eu algum dia consegui tocar o coração de vocês de alguma forma, que fique claro que a honra foi toda minha! 🙂

A escolha certa

Mesmo não sabendo quem eu era
Deixei de sê-lo
E não mais sendo
Acabei sendo o que eu não era
Mas que de fato eu sou –
Sempre fui

As respostas só surgiram
Quando desisti de buscar por elas
E assim acabei descobrindo que as perguntas
Sequer eram para ser aquelas!

E quando chegou a hora –
Sem pressa ou demora –
Perguntas e respostas se esvaíram
E restou apenas o aqui
O agora
O afinal

Tanto tempo me perdi
Nos excessos
Do passado
Do futuro
Que eu não me via bem ali
Ao alcance de mim
Embora cercado por muros
Que eu mesmo ergui!

E disso tudo fica a lição
Da vida que hoje vivo
Por conta da que antes não vivi:
Em dado momento –
Meu e somente meu momento –
Eu fiz uma escolha
E dela não me arrependi
Eu escolhi –
E todos os dias escolho –
O eu que eu conheci.

Eu não me conhecia

E quando eu vi com os olhos

Não mais de quem via

Mas de quem queria ver

Eu deixei de ver

E passei a enxergar

E enxergando

Eu comecei a ver tudo

Que eu não via

.

Observador

E observado

Meu mundo cresceu

Quando me dei conta

De que das minhas lamúrias

Eu também era culpado

.

E amanheceu a vida

Sol que ilumina constante

De noite e de dia

Fui apresentado a mim mesmo

E de fato

Eu não me conhecia

.

Felicidade

.

Renascimento

.

Alforria.